Sem Engenhão, Fla procura onde jogar na Sul-Americana

Partida contra a Universidad de Chile, dia 5, ainda no tem local definido

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

O Flamengo tenta encontrar uma solução para sua partida contra a Universidad de Chile, pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana. A princípio, o jogo estava marcado para acontecer no Engenhão, em 5 de outubro, mas o estádio será palco do show do cantor Justin Bieber nesse dia. Assim, o confronto pode ser transferido até mesmo para o Pacaembu, em São Paulo.

A proposta de mudar o jogo para o Pacaembu foi dos próprios chilenos da Universidad de Chile e não desagrada integralmente a direção flamenguista, ainda que o técnico Vanderlei Luxemburgo preferisse atuar em Brasília, onde a torcida do Flamengo também é grande.

"Para jogar em outro lugar tem que ter o aval do chilenos. Aí não tem que gostar ou não. Tem que jogar. Eu prefiro jogar em Brasília. Lá o Flamengo ia jogar na sua casa. São Paulo não é a casa do Flamengo", ponderou Luxemburgo, ciente, porém, de que os chilenos vão optar pela capital paulista para evitar uma viagem ainda mais longa e desgastante.

Outra questão se referia ao clássico entre Flamengo e Fluminense marcado para o dia 9 de outubro, no Engenhão. Nessa data, o palco do show do cantor canadense não vai estar totalmente desfeito, mas a partida deve ser mantida no Engenhão, com as arquibancadas norte e sul sendo interditadas. Ainda assim, a capacidade do local seria maior do que a do Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ), que chegou a ser cogitado para receber esse jogo.

Antes de tudo isso, porém, o Flamengo tem importante jogo contra o São Paulo, domingo, no Morumbi. O técnico Vanderlei Luxemburgo conta com o retorno do meia Ronaldinho Gaúcho e do zagueiro Alex Silva, que cumpriram suspensão diante do América-MG, para conquistar a segunda vitória seguida e continuar alimentando sonhos de título no Brasileirão

 

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247