Witzel não cede a Bolsonaro e diz que não vai afrouxar medidas contra o coronavírus no Rio

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, participou de uma reunião com outros governadores do Sudeste e Jair Bolsonaro e declarou após o encontro que o diálogo com o governo foi retomado. No entanto, ele reforça que as medidas de isolamento social adotadas por ele serão mantidas

Jair Bolsonaro e Wilson Witzel
Jair Bolsonaro e Wilson Witzel (Foto: Isac Nóbrega/PR | Agência Brasil/José Cruz)

247 - O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, participou de uma reunião com outros governadores do Sudeste e Jair Bolsonaro e declarou após o encontro que o diálogo com o governo foi retomado. No entanto, ele reforça que as medidas de isolamento social adotadas por ele serão mantidas, como o fechamento do comércio. 

Ele reforçou que não irá seguir as orientações de Bolsonaro para afrouxar as medidas de isolamento social pois se baseia em argumentos técnicos de que a principal medida no momento é o menor fluxo possível de pessoas circulando nas ruas. 

Ele também disse que não irá se envolver na questão política envolvendo João Doria e Bolsonaro. 

Brasil 247 lança concurso de contos sobre a quarentena do coronavírus. Participe do concurso

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247