Chefe da Lava Jato critica Temer impune e diz que o governo derreteu

O procurador Carlos Fernando Lima, um dos coordenadores da Lava Jato, avalia que a impunidade de Michel Temer, que se mantém no poder mesmo denunciado por corrupção e rejeitado por mais de 90% dos brasileiros, amplia o desânimo da população brasileira; ele diz, no entanto, que Temer se enfraqueceu; "Acho uma ilusão dizer que a situação dele é melhor do que era antes do escândalo JBS. É muito pior. O problema dele é que o governo derreteu e ele agora detém uma base menor. Toda vez que uma investigação não atinge os seus objetivos, uma acusação não é processada, boa parte da população se sente desanimada. Isso é natural. Nós também não ganhamos nada com isso. O certo mesmo de qualquer acusação é que seja recebida e o Judiciário enfrente o mérito"

Carlos Fernando
Carlos Fernando (Foto: Leonardo Attuch)

Paraná 247 – O procurador Carlos Fernando Lima, um dos coordenadores da Lava Jato, avalia que a impunidade de Michel Temer, que se mantém no poder mesmo denunciado por corrupção e rejeitado por mais de 90% dos brasileiros, amplia o desânimo da população brasileira.

"Veja, ele não se fortaleceu. Na verdade o presidente se enfraqueceu. No meu ponto de vista, ele se enfraquece ao usar todos os meios que usou para alcançar o resultado, ele visivelmente se enfraquece como presidente da República. Claro que o maior enfraquecimento seria se ele deixasse de ser presidente. Então ele gerenciou o menos pior dentro do possível. Ou seja, a situação dele não ficou melhor. Acho uma ilusão dizer que a situação dele é melhor do que era antes do escândalo JBS. É muito pior", diz Lima, em entrevista a André Guilherme Vieira, publicada no Valor.

"O problema dele é que o governo derreteu e ele agora detém uma base menor. O apoio dele foi lá para o chão, mas ele ao menos se mantém presidente. É o menos pior para ele. Agora, toda vez que uma investigação não atinge os seus objetivos, uma acusação não é processada, boa parte da população se sente desanimada. Isso é natural. Nós também não ganhamos nada com isso. O certo mesmo de qualquer acusação é que seja recebida e o Judiciário enfrente o mérito. Se é verdade ou não é verdade o fato relatado pela acusação, é o juiz que tem de dizer. E eles [os deputados] não deixaram isso acontecer. Então, isso leva a um desânimo da população. Quer dizer, na verdade todos saíram perdendo. A população, o Ministério Público e a própria Presidência saíram perdendo. Acho que os únicos que ganharam foram os partidos e políticos que fizeram barganha e que agora têm uma posição de poder barganhar novamente. E eles vão barganhar a cada medida que o governo quiser aprovar."

 

Conheça a TV 247

Mais de Sul

Ao vivo na TV 247 Youtube 247