Dallagnol avisa Raquel Dodge que Lava Jato não pretende fechar novas delações

A força-tarefa de Curitiba, coordenada pelo procurador Deltan Dallagnol, avisou a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, que não pretende fechar novos acordos de delação

O coordenador da força-tarefa Lava Lato, o procurador da República Deltan Dallagnol, apresenta propostas do Ministério Público Federal para o Combate à Corrupção (Marcelo Camargo/Agência Brasil)
O coordenador da força-tarefa Lava Lato, o procurador da República Deltan Dallagnol, apresenta propostas do Ministério Público Federal para o Combate à Corrupção (Marcelo Camargo/Agência Brasil) (Foto: Gisele Federicce)

Paraná 247 - O procurador Deltan Dalagnol, coordenador da força-tarefa da Lava Jato, já avisou a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, que os procuradores em Curitiba não pretendem fechar novos acordos de delação.

A informação foi publicada na coluna Radar, da Veja. "Aconselha-se Antonio Palocci a orar", diz a nota sobre o assunto.

Como observa o DCM, "como é possível que eles façam essa afirmação antecipadamente não se sabe, visto que cada acordo é negociado em função das possíveis informações e provas que cada réu-colaborador possa oferecer em cada caso específico".

Conheça a TV 247

Mais de Sul

Ao vivo na TV 247 Youtube 247