Instituições precisam reagir à violência de Bolsonaro, diz Gleisi

Presidente do Partido dos Trabalhadores protestou contra as ameaças feitas por Jair Bolsonaro num clube de tiro

www.brasil247.com - Gleisi Hoffmann
Gleisi Hoffmann (Foto: Reprodução)


247 – A presidente do Partido dos Trabalhadores, deputada Gleisi Hoffmann (PT-PR), protestou contra as ameaças feitas por Jair Bolsonaro numa encenação num clube de tiro, nesta segunda-feira. "Inadmissível a ameaça de Bolsonaro contra a esquerda feita num clube de tiros. Novamente, ele voltou a falar em acabar com "comunistas", enquanto mirava uma pistola contra um alvo vermelho. Bolsonaro quer transformar as eleições em pancadaria e morte. As instituições precisam reagir", postou ela, em seu twitter. 

Depois de ser ironizado pelo influenciador Cauê Moura, por não ter conseguido disparar os tiros, Bolsonaro também fez um post que pode ser encarado como uma clara ameaça de morte.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email