Juíza autoriza Lula receber visita de senadores

A juíza federal Carolina Lebbos, da 12ª Vara Federal do Paraná, autorizou 12 senadores da Comissão de Direitos Humanos do Senado, que conta com 19 membros titulares e mais 19 suplentes, a visitar nesta terça (17) o ex-presidente Lula na Superintendência da PF em Curitiba

A juíza federal Carolina Lebbos, da 12ª Vara Federal do Paraná, autorizou 12 senadores da Comissão de Direitos Humanos do Senado, que conta com 19 membros titulares e mais 19 suplentes, a visitar nesta terça (17) o ex-presidente Lula na Superintendência da PF em Curitiba
A juíza federal Carolina Lebbos, da 12ª Vara Federal do Paraná, autorizou 12 senadores da Comissão de Direitos Humanos do Senado, que conta com 19 membros titulares e mais 19 suplentes, a visitar nesta terça (17) o ex-presidente Lula na Superintendência da PF em Curitiba (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Blog do Esmael - A juíza federal Carolina Lebbos, da 12ª Vara Federal do Paraná, autorizou 12 senadores da Comissão de Direitos Humanos do Senado, que conta com 19 membros titulares e mais 19 suplentes, a visitar nesta terça (17) o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba.

A magistrada, que é responsável pela custódia do petista, citou a aprovação pela CDH do Senado para fazer “diligência à Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, a fim de verificar as condições de encarceramento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e dos demais presos naquela sede”.

Lula é mantido preso político na PF desde o dia 7 de abril.

Fazem parte da comitiva do Senado os seguintes parlamentares: Regina Sousa (PT-PI), Paulo Paim (PT-RS), Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), Lindbergh Farias (PT-RJ), Gleisi Hoffmann (PT-PR), Roberto Requião (PMDB-PR), Paulo Rocha (PT-PA), João Capiberibe (PSB-AP), Fátima Bezerra (PT-RN), Lídice da Mata (PSB-BA), Humberto Costa (PT-PE), José Pimentel (PT-CE), Telmário Mota (PTB-RR) e Ângela Portela (PDT-RR).

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247