Operador do PSDB terá de depor sobre lavagem de R$ 100 milhões

A Justiça Federal do Paraná intimou o ex-diretor da Dersa, Paulo Vieira de Souza a depor sobre uma lavagem de R$ 100 milhões. O operador do PSDB, também conhecido como Paulo Preto, será ouvido nos dias 23 de setembro e 8 de novembro pelo juiz Luiz Antônio Bonat, da 13 Vara Federal de Curitiba

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A Justiça Federal do Paraná intimou o ex-diretor da Dersa, Paulo Vieira de Souza a depor sobre uma lavagem de R$ 100 milhões. O operador do PSDB, também conhecido como Paulo Preto, será ouvido nos dias 23 de setembro e 8 de novembro pelo juiz Luiz Antônio Bonat, da 13 Vara Federal de Curitiba.

A reportagem do site DCM ainda informa que "essa ação investiga suposto esquema de lavagem decorrente dos crimes praticados por executivos da Odebrecht e UTC."

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247