Palocci passará a cumprir pena em regime aberto e manterá tornozeleira

A defesa do ex-ministro alegou ao juiz federal Danilo Pereira Júnior, da 12ª Vara Federal de Curitiba, que ele cumpriu 1/6 da pena. Antonio Palocci foi condenado a 9 anos e 10 dias de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro

(Foto: REUTERS/Rodolfo Buhrer)

247 - A Justiça Federal do Paraná determinou nesta segunda-feira (5) que o ex-ministro Antonio Palocci, condenado na Operação Lava Jato, passe a cumprir pena em regime aberto. 

A defesa do ex-ministro alegou ao juiz federal Danilo Pereira Júnior, da 12ª Vara Federal de Curitiba, que ele cumpriu 1/6 da pena a que foi condenado, de 9 anos e 10 dias de prisão, por corrupção e lavagem de dinheiro.

O ex-ministro continuará com o monitoramento eletrônico, mas precisará permanecer em casa das 20h às 7h de segunda a sábado e integralmente nos domingos e feriados.

Palocci não poderá sair da cidade sem autorização judicial. Ele também poderá trabalhar, segundo seu advogado, Tracy Reinaldet.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247