Paranaenses não acreditam em perseguição da União

Segundo a Paraná Pesquisas, especial para o Blog do Esmael, 51,72% dos curitibanos discordam que o governo federal vem empreendendo perseguição implacável ao governador do Paraná, Beto Richa (PSDB); na Assembleia do Paraná, nos últimos meses, o tom dos discursos governistas tem sido o da vitimização; ou seja, "o estado está em crise porque a culpa é da [ex-ministra e senadora] Gleisi Hoffmann (PT), pré-candidata ao Palácio Iguaçu"

Segundo a Paraná Pesquisas, especial para o Blog do Esmael, 51,72% dos curitibanos discordam que o governo federal vem empreendendo perseguição implacável ao governador do Paraná, Beto Richa (PSDB); na Assembleia do Paraná, nos últimos meses, o tom dos discursos governistas tem sido o da vitimização; ou seja, "o estado está em crise porque a culpa é da [ex-ministra e senadora] Gleisi Hoffmann (PT), pré-candidata ao Palácio Iguaçu"
Segundo a Paraná Pesquisas, especial para o Blog do Esmael, 51,72% dos curitibanos discordam que o governo federal vem empreendendo perseguição implacável ao governador do Paraná, Beto Richa (PSDB); na Assembleia do Paraná, nos últimos meses, o tom dos discursos governistas tem sido o da vitimização; ou seja, "o estado está em crise porque a culpa é da [ex-ministra e senadora] Gleisi Hoffmann (PT), pré-candidata ao Palácio Iguaçu" (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Blog do Esmael - O governador Beto Richa (PSDB) precisa urgentemente virar o disco e tocar outra música, se quiser justificar e convencer sobre os motivos da crise que assola as finanças do Paraná.

Segundo a Paraná Pesquisas, especial para o Blog do Esmael, 51,72% dos curitibanos discordam que o governo federal vem empreendendo perseguição implacável ao tucano.

Na Assembleia Legislativa do Paraná, nos últimos meses, o tom dos discursos governistas tem sido o da vitimização. Ou seja, "o estado está em crise porque a culpa é da [ex-ministra e senadora] Gleisi Hoffmann" — pré-candidata do PT ao Palácio Iguaçu.

De acordo com o levantamento do instituto de Murilo Hidalgo, apenas 39,95% concordam que Richa não consegue realizar as obras necessárias porque há perseguição do governo Dilma Rousseff. 8,32% afirmam não saber ou não responderam à questão.

A Paraná Pesquisa ouviu 841 curitibanos maiores de 16 anos entre os dias 6 e 9 de março de 2014. A margem de erro estimada é de 3,5% e o grau de confiança é de 95%.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email