PC do B perde base operária no Paraná para o PSB de Aldo Rebelo

É o que diz o Blog do Esmael; a principal base operária do PCdoB, na região Sul de Curitiba, vai ingressar no PSB neste sábado (23), durante lançamento da pré-candidatura do ex-ministro Aldo Rebelo à Presidência da República; dentre as lideranças que irão assinar ficha de filiação no evento está o sindicalista José Agnaldo Pereira, ex-presidente da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB)

Bras�lia � O ministro da Defesa, Aldo Rebelo, fala sobre a atua��o das For�as Armadas no combate ao mosquito Aedes agypti, durante entrevista ao programa Bom Dia Ministro (Ant�nio Cruz/Ag�ncia Brasil)
Bras�lia � O ministro da Defesa, Aldo Rebelo, fala sobre a atua��o das For�as Armadas no combate ao mosquito Aedes agypti, durante entrevista ao programa Bom Dia Ministro (Ant�nio Cruz/Ag�ncia Brasil) (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Blog do Esmael - A principal base operária do PCdoB, na região Sul de Curitiba, vai ingressar no PSB neste sábado (23), durante lançamento da pré-candidatura do ex-ministro Aldo Rebelo à Presidência da República.

Dentre as lideranças que irão assinar ficha de filiação no evento está o sindicalista José Agnaldo Pereira, ex-presidente da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB).

Junto com Agnaldo, o PSB também vai recepcionar neste sábado lideranças do SINTRAFUCARB — que representa os trabalhadores da indústria de alimentação e fumageira — e o ex-deputado federal e ex-presidente do PCdoB do Paraná Ricardo Gomyde.

As entidades sindicais sob esse grupo liderado por Agnaldo Pereira deverão migrar para a União Geral dos Trabalhadores (UGT). Aliás, o presidente da Central, Paulo Rossi, tem uma relação política com o presidenciável Aldo Rebelo. Foi ele quem organizou, no Paraná, o lançamento do manifesto do ex-ministro no mês de julho.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247