Richa acumula dívidas e pagamentos atrasados

Déficit do governo do Paraná é de R$ 700 milhões, o que corresponde a 30% do orçamento anual; construções de rodovias foram paralisadas e serviços esperam há pelo menos quatro meses por pagamento; até obras da Copa foram afetadas

Governador Beto Richa, assina lei sobre medidas de incentivo à pesquisa científica e tecnológica em ambiente produtivo no estado do Paraná, acompanhado pelo, representante do vice-governador, Paulo Schmidt, secretário chefe da casa civil, Luiz Eduardo Seb
Governador Beto Richa, assina lei sobre medidas de incentivo à pesquisa científica e tecnológica em ambiente produtivo no estado do Paraná, acompanhado pelo, representante do vice-governador, Paulo Schmidt, secretário chefe da casa civil, Luiz Eduardo Seb (Foto: Roberta Namour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Com dívidas acumuladas, o governo Beto Richa (PSDB) tem atrasado há pelo menos quatro meses pagamentos de obras e serviços.

A situação caótica no Paraná inclui construções de rodovias paralisadas, diversos veículos policiais parados sem conserto e até obras da Copa afetadas.

A dívida é de R$ 700 milhões. O orçamento anual, de R$ 29 bilhões. Ou seja, o Estado deve cerca de 30% das despesas mensais.
Richa vai concorrer à reeleição contra a atual ministra Gleisi Hoffmann (Casa Civil) e o ex-governador e senador Roberto Requião (PMDB).

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247