Sérgio Malucelli é o novo secretário de Segurança

Coronel da reserva remunerada da PM foi escolhido pelo governador Beto Richa para ocupar a pasta; ele também é presidente da Fetranspar (Federação das Empresas de Transporte de Cargas do Estado do Paraná) - um aliado de peso numa disputa pelo governo do Estado

Coronel da reserva remunerada da PM foi escolhido pelo governador Beto Richa para ocupar a pasta; ele também é presidente da Fetranspar (Federação das Empresas de Transporte de Cargas do Estado do Paraná) - um aliado de peso numa disputa pelo governo do Estado
Coronel da reserva remunerada da PM foi escolhido pelo governador Beto Richa para ocupar a pasta; ele também é presidente da Fetranspar (Federação das Empresas de Transporte de Cargas do Estado do Paraná) - um aliado de peso numa disputa pelo governo do Estado (Foto: Roberta Namour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Por Valdir Cruz
Notícias Paraná - O nome escolhido pelo governador Beto Richa para ocupar a secretaria de Segurança Pública levou em conta dois critérios: o político, em primeiro lugar; e o técnico, em segundo. Assim, o coronel da reserva remunerada da PM, Sérgio Malucelli, cumpre as duas funções.

Na parte política, a escolha do coronel Sérgio Malucelli visa tirar da disputa eleitoral o primo dele, o empresário Joel Malucelli, que já se lançou candidato ao Palácio Iguaçu pelo PSD.

Há, ainda, outra questão a ser levantada: Joel Malucelli, além de candidato viável, é um grande caixa de campanha.

Com ele fora do páreo e apoiando Beto Richa, fez-se a barba e o cabelo.

O bigode também foi aparado nesta escolha: Sérgio Malucelli é presidente da Fetranspar (Federação das Empresas de Transporte de Cargas do Estado do Paraná), um poderoso grupo de lobby no Estado, que joga incondicionalmente ao lado das "pedagieiras" e faz pressão constante para que haja um relaxamento na fiscalização dos caminhões que transportam todo tipo de carga. Por isso, a Fetranspar também é um aliado de peso numa disputa pelo governo do Estado.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email