Frente Ampla ou desistam de uma vez

Acordem brasileiros, antes que seja tarde demais. Frente Ampla Já! Sacudam a poeira e vamos dar a volta por cima. Não vamos nos entregar pro homem. Amanhã vai ser outro dia

(Foto: Stuckert)

O presidente Lula está livre de sua cela, mas não da perseguição de seus algozes. O que aconteceu no TRF4 não tem precedentes na história jurídica e com certeza vai fazer parte do currículo de formação dos futuros advogados do país.

A relativização de questões básicas do entendimento do STF foi, talvez, a coisa mais bizarra que já vi em termos de julgamentos. A suprema corte resolve uma situação de maneira clara e inequívoca, mas os desembargadores do TRF4 interpretam a decisão a seu bel prazer. Decidem que a propriedade não é importante e aumentam a pena para cumprimento maior do que condenados por assassinato.

Depois de que o mesmo tribunal anulou uma sentença “copia e cola”, eles dizem que não vale para o Presidente Lula. Isso até mesmo com a cópia falando do Triplex.

A perseguição que já vinha sendo denunciada, agora ficou escancarada. Pior, mesmo que o STJ, ou o STF retifiquem o que fizeram, nada vai acontecer com estes desembargadores. Eles vão continuar julgando à sua maneira. O TRF4 está contaminado pela ideologia política, fato.

O país não está pacificado e o clima das eleições continua nas ruas. Temos um presidente que ainda não desceu do palanque e junto com seus filhos trata de atacar sistematicamente o campo adversário. As redes sociais são usadas com dois propósitos, o de enaltecer seus atos e o de difamar a imagem de quem os contraria.

Existe um verdadeiro clima de guerra. O ódio vai aumentando alimentado por atitudes dos membros do governo. Alguém lembra quem foi o ministro da educação dos últimos governos? Deste, ninguém vai esquecer e o mesmo vale para outros ministérios. Nunca tantos malucos incompetentes estiveram presentes em um governo simultaneamente.

A América Latina está entrando em um novo período de convulsões sociais. A coisa está tão complicada que já nem se fala mais na Venezuela. As ruas do Chile, da Bolívia, da Colômbia estão tomadas por manifestantes. Enquanto isso o Brasil segue ainda em passo lento.

É realmente surpreendente esta passividade do povo brasileiro com tudo o que está acontecendo. Direitos históricos sendo perdidos, arrocho salarial, negócios quebrando, a miséria mostrando sua cara, total falta de perspectiva e ainda assim as ruas continuam vazias. 

A oposição não se organiza e uma Frente Ampla, imprescindível neste momento, não foi formada ainda. Sem ela, pouco se pode esperar e a mudança vai ficando distante. A militância vai perdendo o ânimo e mesmo com as defecções de arrependidos, vai aumentando em maior número o dos conformados.

Se este círculo vicioso não for rompido logo, os tentáculos deste governo vão crescer e tomar conta da sociedade. Eles vão sufocar a mídia economicamente e impor a sua visão de um mundo branco, cristão, cuja base é a família tradicional. Tudo que for diferente não terá lugar neste novo mundo. As minorias terão de tornar submissas a maioria.

Se nada mudar, a oposição não vai mais encontrar para quem falar. A resistência está chegando ao seu limite. Mãos estão se soltando. Vozes se calando. Eles estão aí ao lado zombando de nós.

Acordem brasileiros, antes que seja tarde demais. Frente Ampla Já! Sacudam a poeira e vamos dar a volta por cima. Não vamos nos entregar pro homem. Amanhã vai ser outro dia. 

Ao vivo na TV 247 Youtube 247