Globo persegue Dirceu, mantém o linchamento público e evita ir à Suíça tucana

Escândalos de corrupção que tramitam no Judiciário suíço não mereceram uma viagem dos repórteres da Globo ao país alpino, pois o que interessa ao JN é o Panamá, fato este que tem a intenção de atingir José Dirceu



O ex-ministro da Casa Civil e político histórico do PT, José Dirceu, continua em sua via crucis mesmo depois de condenado à prisão. Dirceu precisa trabalhar para diminuir sua pena. Qualquer preso em regime aberto ou semiaberto necessita do trabalho para se ocupar e ser reintegrado à sociedade.

Trata-se de um direito previsto em Lei e mesmo assim os magnatas bilionários donos da imprensa venal continuam a perseguir o petista, de forma infame e covarde ao fazer de tudo para impedir que José Dirceu consiga um emprego e, consequentemente, passe a gastar seu tempo a executar algum serviço laboral, no caso dele assumir um posto de gerente no Hotel Saint Peter.

O problema do militante do PT é que ele é alvo dos jornalistas pagos pelos barões da imprensa comercial e privada. As principais redações enviaram repórteres ao Panamá porque descobriam que a empresa de hotelaria foi comprada por intermédio de um laranja em uma operação classificada como ilícita.

Agora, vamos à pergunta que teima em não se calar: o que o líder petista tem a ver com isso? Respondo: Nada! Contudo, os verdugos da imprensa de negócios privados continuam em seus périplos de terror, com a finalidade de prejudicar José Dirceu e para isso fazem ilações maldosas, "reportagens" maledicentes, que induzem as pessoas a pensar mal do petista e torcer para que algum juiz conservador do STF impeça o político socialista de sair da prisão para trabalhar e, por conseguinte, diminuir sua pena.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A imprensa burguesa é infame e sua infâmia a leva, inexoravelmente, ao descrédito e à total desconfiança de milhões de brasileiros que há muito tempo desconfiam do jornalismo meramente declaratório e de apelo escandaloso de uma imprensa mercantilista que somente pensa em seus negócios financeiros e que não tem compromissos quaisquer com a Nação brasileira.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Se José Dirceu não conseguir ser contratado, vai ter de ficar encarcerado, porque vai ser impedido de sair, pois o regime semiaberto não permite que a pessoa saia sem ter sido contratada para trabalhar. Com a perseguição da imprensa corporativa, as empresas vão ter medo de contratar alguém que é seu alvo, pois os empresários não querem ter seus negócios de devassados, de forma impiedosa e sem o mínimo cuidado com a realidade dos fatos.

A Rede Globo enviou uma equipe para o Panamá, porque um dos sócios do hotel é de lá. E aí sabe como é que é, né? José Dirceu quer um emprego em tal hotel... E daí? Enquanto isso os escândalos do trensalão e do metrosalão tucanos de mais de R$ 1 bilhão, "o maior propinoduto da história do País", poderiam alardear as manchetes dos jornais da velha imprensa, o que, seguramente, os bárbaros não vão fazer.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Escândalos de corrupção que tramitam no Judiciário suíço, pois denunciados por empregados das multinacionais da Alstom e da Siemens e investigados pelo Ministério Público Federal da Suíça não mereceram uma viagem dos repórteres da Globo ao país alpino, pois o que interessa ao Jornal Nacional é o Panamá, fato este que tem a intenção de atingir José Dirceu e por tabela o governo popular de Dilma Rousseff, o PT "e tudo o que está aí", como afirmavam, de forma alienada mas perversa, muitos dos coxinhas reacionários que foram às ruas em junho, sem, no entanto, saber pontualmente por que estavam a protestar, por falta de pauta, de conhecimento das realidades brasileiras, porém, com a certeza de compreender que são por índole e instinto politicamente conservadores.

O Ministério Público anunciou há dois dias que houve superfaturamento de R$ 1 bilhão em reformas de trens em São Paulo na administração de José Serra. A verdade é que se houvesse uma devassa nas contas públicas nos últimos 20 anos de administrações do PSDB em São Paulo, os valores seriam inimagináveis, porque somente se fala em bilhões quando se trata das investigações efetivadas pelo MP. E a Globo se cala, pois cúmplice e irmã siamesa dos tucanos paulistas. Por sua vez, quando se trata de José Dirceu e do PT...

Não há cego que não enxergue tão grande patifaria midiática; não há surdo que não ouça sobre os escândalos de corrupção bilionários dos tucanos; e não há mudo que não fale sobre esses casos. Não adianta esconder o sol com a peneira, porque quando começar o horário político eleitoral em 2014, o PT vai tratar desses assuntos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Temas que vão ser abordados de forma direta com o cidadão eleitor, que vai ouvir outras versões, pois que até agora a versão que é difundida e repercutida é a da mídia historicamente golpista, que censura e esconde os crimes dos tucanos e, por seu turno, alimenta uma campanha sistemática e intermitente contra o PT, os presidentes trabalhistas, os governos populares e o programa de governo que incluiu mais de 50 milhões de brasileiros.

Por que a imprensa de mercado trata diferente o cartel tucano e a AP 470? Todo mundo sabe disso, até os que votam no PSDB. O que está a acontecer no Brasil em plena vigência do estado democrático de direito é a intromissão nada republicana do sistema midiático privado na vida brasileira, no que diz respeito à soberania das instituições e à desconstrução das imagens dos políticos eleitos legalmente e constitucionalmente pelo povo brasileiro.

A imprensa empresarial, juntamente com o STF e a PGR, quer pautar a agenda governamental e governar no lugar dos presidentes eleitos, ainda mais quando os mandatários que estão no poder são trabalhistas e de esquerda. Esses fatos e realidades acontecem com as lideranças políticas em toda a América Latina. Basta não abaixar a cabeça para o establishment. José Dirceu tem direito ao semiaberto, e, portanto, tem de ter acesso ao trabalho, apesar de a Globo fugir da Suíça como o diabo foge da cruz. É isso aí.

Este artigo não representa a opinião do Brasil 247 e é de responsabilidade do colunista.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email