Manobra de Kassio e Mendonça tem pernas curtas

Para Solnik, Kassio Nunes Marques e André Mendonça "se firmam como os dois ministros que, em vez de defenderem, agridem a Constituição"

www.brasil247.com - Kassio Nunes Marques
Kassio Nunes Marques (Foto: Carlos Moura/SCO/STF)


Kassio Nunes Marques e André Mendonça fizeram um péssimo negócio ao tentar ajudar Bolsonaro a desacreditar as urnas eletrônicas. 

Fazendo tabelinha, o primeiro anulou a cassação e o segundo barrou o julgamento da anulação da cassação do deputado bolsonarista Francisco Francischini, que “denunciou” fraude nas eleições de 2018, sem apresentar provas. E foi o primeiro político condenado por fake news.

Com o pedido de vista de Mendonça, nesta madrugada, o julgamento da liminar de Kassio no plenário virtual foi suspenso e presume-se que ele fará o mesmo no julgamento da 2a Turma, às 14h00, que será presencial. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Se isso ocorrer, no entanto, Cármen Lúcia poderá cassar, com outra liminar, a liminar de Kassio Nunes Marques, na ação movida pelo deputado Pedro Paulo Bazana, que tinha assumido o lugar de Francischini. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Ela poderia tê-lo feito de pronto, mas preferiu mandar o caso ao plenário.   

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Além de não alcançarem o objetivo almejado por eles e por Bolsonaro, Kassio e Mendonça isolam-se ainda mais no STF ao se aliarem ao presidente da República e não aos seus pares.

E se firmam como os dois ministros que, em vez de defenderem, agridem a Constituição brasileira. Mas que sempre serão derrotados pelos outros nove.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Como toda mentira, a manobra deles tem pernas curtas. Ou pés de barro. 

Não vai levar a lugar algum.

Este artigo não representa a opinião do Brasil 247 e é de responsabilidade do colunista.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email