Não será no primeiro turno

www.brasil247.com -
(Foto: Divulgação)


Durante esta semana, o Instituto Datafolha tem a previsão de lançar duas pesquisas: na quarta-feira, 27, será divulgado levantamento realizado com jovens de 15 e 29 anos e na quinta-feira, 28, outra pesquisa com o eleitorado brasileiro convencional. 

A divulgação da pesquisa Datafolha traz expectativas e euforia entre os eleitores de Lula. Comemorar vitória antes do tempo pode frustrar quem comemora e inflar quem estava praticamente derrotado. 

O PT tem que trabalhar de maneira sóbria e natural com a ideia do segundo turno, para evitar a atmosfera de ‘água no chopp’, caso Lula não seja eleito em primeiro turno. 

Em um suposto segundo turno, se a campanha adversária medir e perceber que há elevado grau de desapontamento e decepção da militância petista, entrará para o pleito de peito estufado, como vencedores, podendo disseminar a ideia do triunfo para além da bolha bolsonarista. 

O Partido dos Trabalhadores sabe que não será uma eleição fácil, apesar das pesquisas indicarem um ‘certo conforto’ na liderança de Lula, o clima de ‘já ganhou’ deve ser totalmente descartado pelo partido e, principalmente, pela militância. 

A campanha tem que manter os pés no chão para garantir e sustentar a posse de Lula, contra a inevitável reação de uma horda que não aceitará republicanamente a derrota. Será preciso usar a lógica anisiana e a dialética de uma inteligência acostumada a pensar com a cabeça e as mãos. 

Este artigo não representa a opinião do Brasil 247 e é de responsabilidade do colunista.

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email