O Brasil tem saída?

A crise não é só econômica, ela é também social e política, com Lula preso sem provas e sem crime e as elites assombradas com as eleições, sem candidato capaz de vencer Lula. Mas o povo tem memória e sabe a saída: como dissemos, eleições e Lula livre

Lula quatro dedos imagem grande
Lula quatro dedos imagem grande (Foto: Alencar Santana Braga)

Vamos começar respondendo a questão central: sim, a saída para o Brasil é eleições livres, com Lula.

Em apenas dois anos de governo Temer, quase duas décadas de avanços sociais e econômicos foram jogadas no ralo da história.

Direitos históricos foram retirados do povo, as leis trabalhistas alteradas, os recursos das universidades e os programas de inclusão educacional caíram a patamares incapazes de garantir mobilidades social de milhões de jovens.

O Brasil perdeu soberania, abriu mão do pré-Sal, da indústria naval forte, da geração de empregos e das relações bilaterais com economias em desenvolvimento, voltando sua ação externa à subserviência aos Estados Unidos, como nos tempos sombrios de FHC.

A indústria perdeu força e a agricultura concentrou-se novamente na monocultura de exportação, deixando de lado a geração de renda aos pequenos policultores.

A crise não é só econômica, ela é também social e política, com Lula preso sem provas e sem crime e as elites assombradas com as eleições, sem candidato capaz de vencer Lula.

Mas o povo tem memória e sabe a saída: como dissemos, eleições e Lula livre.

Conheça a TV 247

Mais de Blog

Ao vivo na TV 247 Youtube 247