OAB, vergonha nacional

O Conselho sequer consultou as seccionais. Se ouvisse, teria tomado outro caminho. Mas ele optou por calar os conselhos estaduais, que foram privados do direito de participar do debate. E para coroar o cabresto que impuseram à advocacia, proibiram advogados contrários ao pedido de impeachment de acessar a Câmara dos Deputados

O Conselho sequer consultou as seccionais. Se ouvisse, teria tomado outro caminho. Mas ele optou por calar os conselhos estaduais, que foram privados do direito de participar do debate. E para coroar o cabresto que impuseram à advocacia, proibiram advogados contrários ao pedido de impeachment de acessar a Câmara dos Deputados
O Conselho sequer consultou as seccionais. Se ouvisse, teria tomado outro caminho. Mas ele optou por calar os conselhos estaduais, que foram privados do direito de participar do debate. E para coroar o cabresto que impuseram à advocacia, proibiram advogados contrários ao pedido de impeachment de acessar a Câmara dos Deputados (Foto: Chico Vigilante)

Como em 1964, o Conselho Federal da OAB aliou-se aos golpistas.

A Ordem optou por representar grupos que resolveram violentar os princípios constitucionais, que caberiam a ela também defender.

Não bastasse isso, aliaram-se à ala mais mesquinha da velha direita brasileira ao pedir o impeachment da presidenta Dilma Rousseff, eleita com o poder do povo que emana das urnas.

À revelia da Constituição, rasgaram as prerrogativas da Advocacia.

O Conselho sequer consultou as seccionais. Se ouvisse, teria tomado outro caminho. Mas ele optou por calar os conselhos estaduais, que foram privados do direito de participar do debate.

E para coroar o cabresto que impuseram à advocacia, proibiram advogados contrários ao pedido de impeachment de acessar a Câmara dos Deputados nesta tarde.

De fato,a #OABrepete64! Mas apesar de vocês, #NãoVaiTerGolpe

Conheça a TV 247

Mais de Blog

Ao vivo na TV 247 Youtube 247