Político conta votos, Bolsonaro contará caixões

Venceu com fakenews, fugindo de debates e disseminando o ódio, sem um programa de governo, sem aceno à geração de emprego e renda

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

O capital de todo o político é o voto, mas Bolsonaro conquistou o poder com urnas de notas falsas. O capital do político Bolsonaro é o voto desqualificado, é a nota falsa da democracia, é o autoritarismo a caminho da ditadura , abanando o rabo para o rentismo, para o capital financeiro.

Venceu com fakenews, fugindo de debates e disseminando o ódio, sem um programa de governo, sem aceno à geração de emprego e renda. Montou um ministério que é a sua cara: desqualificado, baixo nível, irresponsável.

E, agora, com a pandemia do coronavírus, continua com seu projeto de destruição, desta vez, literalmente, de destruição de vidas.

Na crise mundial em que vivemos, é o pior mandatário de um país e olha que há concorrentes à sua altura. Quer impor uma “Escolha de Sofia”, que nós, povo, escolhamos entre matar nossos idosos ou nossos jovens. Mal sabe ele que um estadista que respeite este nome tentará uma política igualitária para salvar a todos.

No entanto, há ainda quem compre deste vendedor de tragédias, mas a sua popularidade vem caindo  por terra. Infelizmente, será derrotado, por sua irresponsabilide,  a custa de cada caixão empilhado.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247