Quem será a "doméstica" de Paulo Guedes?

O "doméstica" de Guedes passa longe das pessoas que trabalham dignamente com serviços domésticos

Ministro da Economia, Paulo Guedes
Ministro da Economia, Paulo Guedes (Foto: REUTERS/Diego Vara)

Nesta semana ficamos absolutamente estarrecidos com o comportamento do Ministro da Economia, Paulo Guedes, ao afirmar que o dólar alto era bom porque, nos tempos do dólar a R$ 1,80, até doméstica podia ir pra Disneylândia. 

Muito além do preconceito que já é a marca do governo Bolsonaro, assim como o racismo, o machismo e a perseguição ao pensamento, essa fala representa a incapacidade de Guedes em assumir sua incompetência em gerenciar as contas do país frente à crise, o desemprego recorde e à moeda americana batendo incríveis R$ 4,30, encarecendo produtos básicos como combustíveis, medicamentos e até o pão, além de deixar nossas empresas públicas, como a Petrobras e o Banco do Brasil, mais baratas para o especulador estrangeiro. 

Representa também qual é o recorte claro de quem Bolsonaro e sua trupe representam: a elite rentista, os milionários, os "veios da Havan" e os "Dorias". 

Para o Guedes, estudante é vagabundo, assalariado quer direitos demais, beneficiário do INSS é problema e quem ganha Bolsa Família é folgado. 

Para o Guedes, servidor público é parasita. Professor é parasita. Médico é parasita. Assistente Social é parasita. Só não é parasita quem recebe dezenas de milhares de reais todos os meses do Estado. 

E, principalmente, a fala de Guedes deixou claro quem ele chama de "domésticas": justamente quem foi pra rua de verde e amarelo pedir pelo impeachment e os próprios apoiadores - e a base de sustentação - do Bolsonaro. Eram aquelas pessoas que iam ou sonhavam ir pra Disney. 

O "doméstica" de Guedes passa longe das pessoas que trabalham dignamente com serviços domésticos. Do alto de seu elitismo, o ministro chama de "domésticas" a classe média, a classe trabalhadora, os desempregados e toda população que não está no 1% de abastados para quem ele e Bolsonaro governam. 

A "doméstica" de Guedes é você.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247