Campanha bolsonarista se assusta com vantagem de Lula na pesquisa Ipec

Bolsonaristas não contavam com a distância de 12 pontos entre Lula e Bolsonaro

www.brasil247.com - Lula e Bolsonaro
Lula e Bolsonaro (Foto: REUTERS/Suamy Beydoun | REUTERS/Ueslei Marcelino)


247 - O resultado da pesquisa Ipec, divulgada na segunda-feira (15), preocupou o núcleo da campanha pela reeleição de Jair Bolsonaro (PL), que não esperava uma distância de 12 pontos percentuais para o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). De acordo com a coluna do jornalista Lauro Jardim, de O Globo, o susto veio na esteira de algumas pesquisas em circulação que apontavam que Bolsonaro estaria empatado com Lula, além de tracking eleitorais realizados na semana passada que mostraram uma diferença menor que a registrada pelo Ipec.

O ponto principal foi a análise de que os pagamentos dos benefícios sociais turbinados, aprovados às pressas pelo Congresso pouco antes do período eleitoral, não surtiram o efeito esperado para levantar a campanha bolsonarista.

“Talvez o número mais relevante desta pesquisa para quem quer tentar projetar o 2 de outubro é o da avaliação de como o presidente conduz o país: 57% dos entrevistados desaprovam Bolsonaro (37% aprovam e o resto não quis se posicionar). É um percentual muito alto, sobretudo a pouco mais de 50 dias das eleições”, destaca Lauro Jardim.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

 

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email