Em dois anos, assessor de Flávio Bolsonaro multiplicou por nove capital de loja de chocolate

O advogado Victor Granado Alves é dono de uma franquia da Kopenhagen, na Avenida Nilo Peçanha, no Centro da cidade, na loja “Damas do Chocolate”. O ex-assessor de Flávio é investigado pelo Ministério Público estadual no caso da “rachadinha” envolvendo Fabrício Queiroz

Victor Granado Alves e Flávio Bolsonaro
Victor Granado Alves e Flávio Bolsonaro (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Em dois anos, uma loja de chocolates do advogado e ex-assessor de Flávio Bolsonaro, Victor Granado Alves teve um aumento de capital social de quase 9 vezes, segundo dados adquiridos pelo jornal O Globo que foram solicitados à Junta Comercial do Rio de Janeiro. Ele é dono de uma franquia da Kopenhagen, na Avenida Nilo Peçanha, no Centro da cidade, na loja “Damas do Chocolate”.

O advogado foi assessor de Flávio na Assembleia Legislativa entre 2017 e 2019, quando este era deputado estadual no RJ, e é investigado pelo Ministério Público estadual no caso da “rachadinha” envolvendo o também ex-assessor Fabrício Queiroz.

Flávio Bolsonaro também é dono de uma loja de chocolates, que segundo o MP, foi usada pelo senador para lavar cerca de R$ 1,6 milhão obtido a partir das devoluções de parte dos salários de servidores fantasmas. A empresa é a Bolsottini Chocolates e fica no Shopping Via Parque, na Zona Oeste do Rio. 

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247