Hidrelétricas brasileiras registram menor produção de energia desde 2002

Em julho de 2021, as termelétricas registraram produção recorde de energia, com 18.625 megawatts-médios (MWmed)

Usina Hidrelétrica Mauá, no Paraná
Usina Hidrelétrica Mauá, no Paraná (Foto: Divulgação/Usina Hidrelétrica de Mauá)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - A produção de energia pelas usinas hidrelétricas brasileiras atingiu, em julho de 2021, o menor nível desde fevereiro de 2002, apontam dados do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS). A crise energética do governo Bolsonaro é a mais grave do país em 91 anos. 

No mês, as usinas hidrelétricas brasileiras produziram 34.489 megawatts-médios (MWmed), menor nível desde fevereiro de 2002, quando o Brasil registrou 33.775 MWmed, segundo levantamento feito pelo G1. Fevereiro de 2002 foi o último mês do racionamento de energia iniciado em 2001. 

Para suprir a demanda, o governo federal acionou as usinas termelétricas. Em julho de 2021, as termelétricas registraram produção recorde de energia, com 18.625 megawatts-médios (MWmed). O recorde anterior era de 17.711 MWmed, registrado em outubro de 2017.

PUBLICIDADE

Inscreva-se no canal Cortes 247 e saiba mais:

 

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email