Moro teria dito que não rasgaria sua biografia para ficar no governo

Declaração foi feita aos generais governistas, segundo informação da jornalista Andreia Sadi. Ministro deve anunciar oficialmente sua saída em pronunciamento às 11h

(Foto: ADRIANO MACHADO - REUTERS)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, afirmou a generais governistas que “não rasgaria sua biografia para ficar ministro do governo”. A informação é da jornalista Andreia Sadi, da Globo.

Moro deve deixar o governo após a exoneração de Maurício Valeixo do cargo de direitor-geral da Polícia Federal sem conhecimento do ministro. A PF é subordinada ao Ministério da Justiça. 

A saída de Moro deve ser anunciada em pronunciamento às 11h desta sexta-feira 24.

Com a interferência de Bolsonaro na PF, Moro vê o seu capital político diminuir. Agora o próprio governo Bolsonaro se desgasta ainda mais. 

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247