STJ concede habeas corpus e Paulo Galo está livre

Líder dos entregadores de aplicativos, Paulo Galo estava preso por envolvimento no incêndio da estátua de Borba Gato

Paulo Galo
Paulo Galo (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News

Revista Fórum  - O Superior Tribunal de Justiça (STJ) deferiu o habeas corpus e libertou nesta quinta-feira (5) o líder dos entregadores de aplicativos, Paulo Galo, preso por envolvimento no incêndio da estátua de Borba Gato no dia 24/07, em São Paulo.

A informação foi divulgada na página oficial de Paulo Galo no Twitter.

Paulo Roberto da Silva Lima, que ficou conhecido como Paulo Galo em seu ativismo junto aos entregadores de aplicativos, foi preso provisoriamente no dia 28 de julho após se apresentar ao 11º Distrito Policial de Santo Amaro, em São Paulo. A companheira de Galo, Jéssica, também foi presa no mesmo dia por envolvimento no ato. Ambos têm uma filha de três anos.

Galo se apresentou espontaneamente, após um mandado ser expedido em endereço errado de sua residência.

PUBLICIDADE

Ao chegar à Polícia, ele confirmou que fazia parte do grupo Revolução Periférica, que ateou fogo na estátua. (Leia a íntegra da Revista Fórum)

Inscreva-se no canal de cortes da TV 247 e assista:

PUBLICIDADE



O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email