Petrobras já perdeu R$ 126 bi em valor de mercado, diz Economatica

Levantamento da Economatica aponta que a greve dos caminhoneiros, desde o início da paralisação dos caminhoneiros, há oito dias, a Petrobras, perdeu mais de R$ 126 bilhões em valor de mercado; a estatal atingiu valor de mercado de R$ 259 bilhões com a queda de mais de 14% de suas ações nesta segunda-feira (28)

Levantamento da Economatica aponta que a greve dos caminhoneiros, desde o início da paralisação dos caminhoneiros, há oito dias, a Petrobras, perdeu mais de R$ 126 bilhões em valor de mercado; a estatal atingiu valor de mercado de R$ 259 bilhões com a queda de mais de 14% de suas ações nesta segunda-feira (28)
Levantamento da Economatica aponta que a greve dos caminhoneiros, desde o início da paralisação dos caminhoneiros, há oito dias, a Petrobras, perdeu mais de R$ 126 bilhões em valor de mercado; a estatal atingiu valor de mercado de R$ 259 bilhões com a queda de mais de 14% de suas ações nesta segunda-feira (28) (Foto: Leonardo Lucena)

247 - Levantamento feito pela Economatica aponta que a greve dos caminhoneiros, desde o início da paralisação dos caminhoneiros, há oito dias, a Petrobras, perdeu mais de R$ 126 bilhões em valor de mercado. 

As ações da estatal já vinham em um movimento de queda nos dias anteriores ao começo das manifestações. Em oito pregões, a empresa perdeu mais de R$ 146 bilhões. Como consequência, a Petrobras perdeu para a Ambev, no dia 23 de maio, o posto de empresa com o maior valor de mercado entre as que estão listadas na bolsa.

A estatal atingiu valor de mercado de R$ 259 bilhões com a queda de mais de 14% de suas ações nesta segunda-feira (28).

Em nota divulgada nesta segunda, a Petrobras declarou que "não subsidiará o preço do diesel e não incorrerá em prejuízo, uma vez que será ressarcida pela União, em modalidade ainda a ser definida".

 

 

Conheça a TV 247

Mais de Economia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247