15 mil servidores do Estado entram em greve na segunda

Categoria reivindica a aprovação de um Plano de Cargos, Carreira e Remunerações (PCCR) que regulamente as funções e salários. de acordo com o presidente do Sintrase, Waldir Rodrigues, desde 2010 a categoria espera pela aprovação do plano, que até agora não saiu do papel; existem cerca de 15 mil servidores na base do Sintrase que recebem salários que variam de R$ 622 a R$ 821, segundo o sindicalista

15 mil servidores do Estado entram em greve na segunda
15 mil servidores do Estado entram em greve na segunda

Sergipe 247 - Servidores da administração geral do Estado paralisam as atividades por tempo indeterminado a partir da próxima segunda-feira (13). A decisão foi tomada em assembleia realizada nesta quarta-feira (8), em frente ao Palácio dos Despachos.  

A categoria reivindica a aprovação de um Plano de Cargos, Carreira e Remunerações (PCCR) que regulamente as funções e salários. De acordo com o presidente do Sintrase, Waldir Rodrigues, desde 2010 a categoria espera pela aprovação do plano, que até agora não saiu do papel. Existem cerca de 15 mil servidores na base do Sintrase que recebem salários que variam de R$ 622 a R$ 821, segundo o sindicalista

"Governador, preste atenção, o seu nome, todos os dias, a partir de segunda-feira, vai estar na rua como sendo um cara que traiu todas as expectativas e perspectivas de vida do servidor público, da administração geral e das escolas públicas”, afirmou Waldir, no protesto. Na segunda, primeiro dia da paralisação, os servidores farão novo ato, em frente à Secretaria Estadual de Orçamento, Planejamento e Gestão (Seplag). No dia seguinte, a manifestação acontece em frente à Secretaria da Fazenda.

Com informações do Portal Infonet e F5 News

Foto: Portal Infonet

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247