Isidório atribui atentado em Boston a casamento gay

Admirador e entusiasta da conduta do deputado Marco Feliciano (PSC-SP), o parlamentar baiano Pastor Sargento Isidório (PSB) continua a chamar atenção com suas declarações; depois de 'explicar' que Feliciano "está certo" quando diz que homossexuais e negros são "amaldiçoados" e de se declarar "ex-gay", ele afirma que o casamento entre pessoas do mesmo sexo "está deixando Deus irritado" e a reação do Criador pode ser vista, por exemplo, na seca que castiga o Nordeste, nas enchentes do Sudeste, nos atentados em Boston e até mesmo nas ameaças de guerra por parte da Coreia do Norte

Isidório atribui atentado em Boston a casamento gay
Isidório atribui atentado em Boston a casamento gay
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Bahia 247

Admirador e entusiasta da conduta do polêmico presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara, o deputado estadual Pastor Sargento Isidório (PSB) parece estar querendo se tornar uma espécie de Feliciano da Bahia. Desde segunda-feira (15), Isidório tem suas declarações inusitadas estampadas nos principais veículos de comunicação local.

Depois de 'explicar' que Feliciano "está certo" quando diz que homossexuais e negros são "amaldiçoados" e de se declarar "ex-gay", Iisdório, agora, afirma que o casamento entre pessoas do mesmo sexo "está deixando Deus irritado" e a reação do Criador pode ser vista, por exemplo, segundo o deputado, na seca que castiga o Nordeste, nas enchentes do Sudeste, nos atentados em Boston e até mesmo nas ameaças de guerra por parte da Coreia do Norte.

Pastor Isidório diz ainda que não se preocupa com o risco de ser expulso do PSB, pois estará "com Deus", e tal qual Feliciano, afirma que está sofrendo perseguição religiosa por parte de seus correligionários e de homossexuais.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE

Apoie o 247

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email