Procuradoria quer barrar caravanas de Padilha

Procurador regional eleitoral de São Paulo André de Carvalho Ramos pediu multa de R$ 750 mil ao candidato petista Alexandre Padilha e ao diretório estadual do partido, além da proibição de novas caravanas pelo Estado, por "ferir a igualdade de oportunidades entre os candidatos que concorrerão às eleições, em escancarada violação à isonomia"

Araçatuba 11/04/2014 Ex-ministro Alexandre Padilha Coordenador da Caravana Horizonte Paulista com ex-presidente Lula durante plenária  FOTO PAULO PINTO/ANALITICA
Araçatuba 11/04/2014 Ex-ministro Alexandre Padilha Coordenador da Caravana Horizonte Paulista com ex-presidente Lula durante plenária FOTO PAULO PINTO/ANALITICA (Foto: Roberta Namour)

247 - A Procuradoria Regional Eleitoral (PRE-SP) quer multar em R$ 750 mil o candidato petista ao governo de São Paulo Alexandre Padilha e o diretório estadual do partido por propaganda eleitoral antecipada.

O procurador regional eleitoral de São Paulo André de Carvalho Ramos também pede a proibição de novas caravanas pelo Estado, por "ferir a igualdade de oportunidades entre os candidatos que concorrerão às eleições, em escancarada violação à isonomia".

O ex-ministro da Saúde tem percorrido o Estado desde fevereiro, com a "Caravana Horizonte Paulista" para se tornar menos desconhecido do eleitor e buscar sugestões para seu programa de governo. Oficialmente, ele ganhou um cargo, no PT, para coordenar essas caravanas.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247