Zé de Abreu diz que Rafael Moro agrediu Joaquim de Carvalho e prega boicote contra The Intercept

O jornalista Rafael Moro Martins, editor do Intercept, chamou de "canalhice" o documentário "Bolsonaro e Adélio – uma fakeada no coração do Brasil", do também jornalista Joaquim de Carvalho, que aponta os furos da versão oficial sobre o caso de Juiz de Fora

José de Abreu, Joaquim de Carvalho e Rafael Moro Martins
José de Abreu, Joaquim de Carvalho e Rafael Moro Martins (Foto: Reprodução/Twitter | Brasil 247 | Reprodução/Youtube)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - O ator José de Abreu reagiu em suas redes ao ataque do jornalista Rafael Moro Martins, editor do Intercept, que chamou de "canalhice" o documentário "Bolsonaro e Adélio – uma fakeada no coração do Brasil", do também jornalista Joaquim de Carvalho, que aponta os furos da versão oficial sobre o suposto atentado contra Jair Bolsonaro, em Juiz de Fora, em 2018. 

“Este cara é editor do @TheInterceptBr fica abaixo do Demori, para que uma agressividade dessas contra um colega experiente, premiado e tudo? Joaquim de Carvalho merece respeito! Babaca do cacete.  #boicoteIntercept”, disse o ator em postagem na manhã desta terça-feira (14).

Em postagem em sua conta do Twitter, Moro disparou: “Sem que surjam evidências em contrário, afirmar que Bolsonaro forjou o atentado a faca que sofreu equivale a dizer que Lula amputou o dedo de propósito para poder parar de trabalhar. É canalhice, em resumo”. 

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email