Greenwald: "parte da corrupção no Brasil reside dentro do Ministério Público e LJ"

Jornalista Glenn Greenwald, usou as redes socias para afirmar que parte da corrupção no Brasil pode ser encontrada dentro do Ministério Público e da Lava Jato e que "até que isso seja aceito, a corrupção nunca poderá ser combatida". Postagem veio na esteira da revelação de que o procurador lavajatista Januário Paludo foi tetemunha de defesa do doleiro Dario Messer

Greenwald: "parte da corrupção no Brasil reside dentro do Ministério Público e LJ"
Greenwald: "parte da corrupção no Brasil reside dentro do Ministério Público e LJ" (Foto: Gustavo Bezerra/ Fotos Públicas)

247 - O jornalista Glenn Greenwald, fundador do site The Intercept Brasil, usou as redes socias para afirmar que parte da corrupção no Brasil pode ser encontrada dentro do Ministério Público e da Lava Jato.

“Uma grande parte da corrupção no Brasil reside dentro do Ministério Público e LJ (incluindo vazamentos criminais constantes sobre investigações, mas muito além disso). Até que isso seja aceito, a corrupção nunca poderá ser combatida”, escreveu. 

A postagem de Greenwald foi feita em cima de uma sequência de tuítes feitas pelo jornalista Leandro Demori, também do Intercept, sobre a atuação do procurador da Lava Jato, Januário Paludo, que em 2011 figurou como testemunha de defesa do doleiro Dario Messer.

Confira  apostagem de Glenn Greenwald sobre o assunto. 

 

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247