Tereza Cruvinel: vitória de Obrador será teste para a democracia mexicana

Jornalista desataca em sua coluna no Jornal do Brasil que "a eleição do primeiro presidente mexicano de centro-esquerda foi festejada pela esquerda continental que, depois de tantas derrotas, como no Brasil, Argentina, Chile, Paraguai e Colômbia, viu na vitória de AMLO um sinal de que pode estar chegando ao fim o ciclo de restauração conservadora neoliberal na América Latina"

Tereza Cruvinel: vitória de Obrador será teste para a democracia mexicana
Tereza Cruvinel: vitória de Obrador será teste para a democracia mexicana (Foto: Ascom | Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A jornalista Tereza Cruvinel desataca em sua coluna no Jornal do Brasil desta terça-feira 3 a eleição do progressista Andrés Manoel López Obrador à presidência do México. Para ela, a vitória "será um teste para a democracia mexicana e para os limites do mercado, desafiado a assimilar um governante contrário às receitas neoliberais, começando por sua proclamação da vitória: 'para o bem de todos, primeiro os pobres'".

Tereza afirma ainda que "a eleição do primeiro presidente mexicano de centro-esquerda foi festejada pela esquerda continental que, depois de tantas derrotas, como no Brasil, Argentina, Chile, Paraguai e Colômbia, viu na vitória de AMLO um sinal de que pode estar chegando ao fim o ciclo de restauração conservadora neoliberal na América Latina".

Leia aqui a íntegra.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247