Videomaker Sam Pancher ataca documentário de Joaquim de Carvalho, que o convida para um debate sobre a "facada"

"Melhorem", disse o produtor de vídeos. Joaquim de Carvalho o convidou publicamente para debater o caso

Sam Pancher, Bolsonaro levando facada e Joaquim de Carvalho
Sam Pancher, Bolsonaro levando facada e Joaquim de Carvalho (Foto: Reprodução/Facebook | Brasil247)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 – O sucesso estrondoso do documentário sobre a fakeada de Juiz de Fora também incomodou o jornalista e videomaker Sam Pancher, que presta serviços para o site Metrópoles. Pancher tentou enquadrar as dúvidas consistentes sobre a versão oficial levantadas por Joaquim de Carvalho como teoria da conspiração. Em resposta, a TV 247 e Joaquim de Carvalho o convidaram para um debate aberto sobre o caso, assim como fizeram em relação a Rafael Moro Martins, do Intercept, que atacou o documentário, mas fugiu de um debate.

No documentário, Joaquim de Carvalho afirma que o caso exige a abertura de uma nova investigação, que leve em conta a hipótese de um auto atentado, de pouca gravidade, que teria sido simulado por Bolsonaro para fugir dos debates presidenciais de 2018. Joaquim demonstra como Adélio Bispo de Oliveira foi protegido pelos seguranças de Bolsonaro, que depois foram promovidos, e como os advogados do caso atuaram em favor dos interesses do próprio Bolsonaro – e não de Adélio. Da mesma forma, Joaquim ouviu parentes de Adélio que contestam a versão oficial. A TV 247 e Joaquim de Carvalho aguardam a posição de Pancher.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email