Londres acusa Moscou de querer instalar governo pró-Rússia na Ucrânia

Reino Unido, no entanto, não apresentou nenhuma evidência da acusação

www.brasil247.com -
(Foto: Reuters)


LONDRES, 22 Jan (Reuters) - O Reino Unido acusou neste sábado o Kremlin de tentar instalar um líder pró-Rússia na Ucrânia e disse que oficiais de inteligência russos estiveram em contato com vários ex-políticos ucranianos como parte dos planos de uma invasão.

O Ministério das Relações Exteriores britânico se recusou a fornecer evidências para apoiar suas acusações, que ocorreram em um momento de altas tensões entre a Rússia e o Ocidente devido ao acúmulo de tropas russas perto de sua fronteira com a Ucrânia. Moscou insistiu que não tem planos de invasão.

O ministério britânico disse ter informações de que o governo russo está considerando o ex-deputado ucraniano Yevhen Murayev como um potencial candidato para liderar uma liderança pró-Rússia.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

"Não vamos tolerar a conspiração do Kremlin para instalar uma liderança pró-Rússia na Ucrânia", disse a secretária de Relações Exteriores britânica, Liz Truss, no Twitter. “O Kremlin sabe que uma incursão militar seria um grande erro estratégico e o Reino Unido e nossos parceiros imporiam um custo severo à Rússia”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A declaração britânica foi divulgada nas primeiras horas de domingo, horário de Moscou e Kiev, e não houve declaração imediata do Kremlin ou de Murayev.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email