Receita do petróleo da Rússia dispara apesar das sanções

O país ganhou cerca de US $ 20 bilhões por mês com as exportações de petróleo este ano

www.brasil247.com -
(Foto: REUTERS/Nick Oxford)


RT - A receita de exportação de petróleo da Rússia aumentou cerca de 50% desde o início de 2022, informa a Bloomberg, citando dados da Agência Internacional de Energia (AIE). De acordo com o relatório mensal de mercado da agência, Moscou ganhou cerca de US$ 20 bilhões por mês este ano com as vendas de petróleo bruto e produtos relacionados ao petróleo.

O crescimento dos lucros veio apesar das sanções ocidentais sobre a operação militar da Rússia na Ucrânia. Como parte dessas penalidades, os EUA proibiram todas as importações de petróleo russo, a UE e o Reino Unido anunciaram planos de eliminar todas as compras de petróleo russo até o final do ano e gigantes internacionais do petróleo como Shell e TotalEnergies prometeram parar de comprar petróleo do país.

No entanto, de acordo com a AIE, os embarques russos só aumentaram – cerca de 620.000 barris por dia em comparação com março para 8,1 milhões em abril, retornando à média antes da crise na Ucrânia e das sanções que se seguiram. Devido ao aumento da demanda, mais remessas foram direcionadas para a Ásia, com China e Índia reivindicando suprimentos que antes eram destinados a outros lugares, segundo a agência. Além disso, a UE, apesar de sua posição, até agora continua sendo o maior mercado para o combustível russo, com 43% das exportações de petróleo do país indo para o bloco em abril, disse a AIE.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Segundo a agência, os mercados globais de energia, já apertados devido à incerteza sobre o petróleo russo, podem enfrentar mais ventos contrários, com a combinação de um embargo europeu ao petróleo russo e uma recuperação da demanda da China à medida que os bloqueios do Covid-19 são suspensos. A agência estima que a oferta global, que já caiu cerca de 1 milhão de barris por dia no mês passado, pode perder três vezes mais no segundo semestre do ano.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email