Venezuela receberá vacina chinesa contra a covid-19 nos próximos dias

​Segundo Maduro, assim que for aprovada qualquer uma das vacinas, elas serão distribuídas gratuitamente

Nicolás Maduro
Nicolás Maduro (Foto: Reprodução/Twitter)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik – O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, anunciou neste domingo (11) que chega ao país nos próximos a vacina chinesa contra a COVID-19.

O projeto faz parte de uma das fases experimentais do medicamento, que nesta fase três será testado nos cidadãos venezuelanos.

"Nos próximos dias, a Venezuela receberá a vacina chinesa, como parte dos testes experimentais", disse Maduro por meio do canal estatal Venezolana de Televisión.

O chefe de estado também lembrou que a vacina russa Sputnik V já está no país para que dois mil cidadãos participem da fase três dos testes clínicos.

Todos os cálculos apontam para a possibilidade de que no segundo trimestre de 2021 comecemos a vacinação em massa, totalmente gratuita, para toda a população. Vamos combinar os melhores cuidados e tratamentos para proteger a vida dos venezuelanos.

​Segundo Maduro, assim que for aprovada qualquer uma das vacinas, elas serão distribuídas gratuitamente.

Quarentena

A partir desta segunda-feira (12), a Venezuela entra em quarentena radical, conforme comunicado do presidente. Sobre a possibilidade de uma flexibilização definitiva do isolamento social, Maduro acha improvável que aconteça antes do mês de dezembro.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247