Acredite: Carla Zambelli diz que 'caos no Rio' é culpa da política de Brizola e sucessores, não de Witzel

Deputada do PSL dispara uma série de pérolas no Twitter e defende que os últimos governadores, desde Brizola, "largaram o Estado nas mãos dos traficantes". "Ninguém quer que inocente morra. Mas erros INFELIZMENTE acontecem", escreveu ainda, no dia em que a menina Agatha Felix, de 8 anos, é enterrada

247 - Na tentativa de aliviar a do governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), e sua política genocida no Estado, a deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP) disparou pérolas nas redes sociais neste domingo 22, como ao dizer que a culpa do 'caos no Rio' é do ex-governador Leonel Brizola e seus sucessores.

"A política do "não-confronto", adotada por Brizola e seguida por TODOS os sucessores dele até o Pezão, foi o que gerou esse caos na segurança do Rio. Esses governadores simplesmente largaram o estado nas mãos dos traficantes", escreveu a deputada.

Ela ainda tentou minimizar a morte da menina Agatha Félix, de
8 anos, com um tiro nas costas durante uma operação policial no Complexo do Alemão, atribuindo a um "erro" das forças policiais. "Ninguém quer que inocente morra. Mas erros INFELIZMENTE acontecem. A culpa NÃO É DA POLÍCIA, que só REAGE aos bandidos, defendidos pelo antro da sociedade", postou.

Em outras publicações, acusou a ex-presidente do Chile Michele Bachellet de ter recebido propina da OAS - acusação de Leo Pinheiro refutada pela comissária da ONU - e rebateu Bono Vox, que saiu em defesa do meio ambiente em suas redes sociais neste fim de semana.

Conheça a TV 247

Mais de Poder

Ao vivo na TV 247 Youtube 247