Alckmin deve definir seu novo partido até o dia 10 – e a tendência é o PSB

Ex-governador paulista aguardava formação de frente partidária entre PT e PSB, que pode dar governabilidade a um eventual governo Lula, em que ele pode vir a atuar como vice

www.brasil247.com - Alckmin e Lula
Alckmin e Lula (Foto: ABr)


247 – O ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, definiu a sexta-feira 10 de dezembro como a data limite para definir seu destino político, que não será mesmo a continuidade no PSDB. É o que aponta reportagem do jornalista André Guilherme Vieira, publicada no Valor Econômico. "O ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin sinalizou a um interlocutor próximo que deverá definir a sua situação partidária até o fim da semana que vem, se desligando do PSDB — legenda que ajudou a fundar. Segundo essa fonte, Alckmin ainda não decidiu se embarcará como vice na provável chapa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência, que dependeria da filiação ao PSB. No entanto, o movimento do ex-governador de se desfiliar rapidamente do PSDB é interpretado por aliados do político como uma disposição de abraçar o projeto eleitoral de Lula", escreve o jornalista.

Um ponto que favorece a filiação de Alckmin ao PSB é a formação de uma frente entre este partido e o PT, consolidando alianças estaduais e criando condições para a governabilidade de um futuro governo social-democrata no Brasil.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email