Congresso decide convocar Heleno para explicar ataque ao parlamento

Após o general Augusto Heleno atacar o Congresso, dizendo que seus membros chantageiam o governo, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), pretende convocar o ministro do GSI para prestar esclarecimentos de sua fala

Congresso decide convocar Heleno.
Congresso decide convocar Heleno. (Foto: ABr)

247  -  O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), pretende pautar para a primeira sessão da Casa, em 3 de março, requerimento de convocação apresentado pelo líder do PT, Rogério Carvalho (SE), para que o ministro do GSI (Gabinete de Segurança Institucional), general Augusto Heleno, esclareça a declaração onde ataca o Congresso Nacional.
“Nós não podemos aceitar esses caras chantagearem a gente o tempo todo. Foda-se”, disse ele. 

"É necessário que o ministro do GSI compareça ao Senado Federal para informar quem são os parlamentares, bancadas, blocos e partidos que estão fazendo tão grave extorsão, bem como no que consiste essa 'chantagem de alguns parlamentares o tempo todo'. Afinal, há enormes diferenças entre a pressão política derivada diretamente dos freios e contrapesos de um regime democrático que adota a divisão independente e harmônica entre os Poderes e o nefasto ato de chantagear", argumenta o autor do requerimento, como relata reportagem no jornal Folha de S.Paulo. 

Brasil 247 lança concurso de contos sobre a quarentena do coronavírus. Participe do concurso

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247