Clínica de hipnoterapia em Brasília suspende demandas por suposta “cura gay” após denúncia

O tratamento custava R$29.990, e agora está interrompido por tempo indeterminado

(Foto: Thiago Arruda / 247)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A clínica Hipnoticus em Brasília, que oferece tratamentos de hipnoterapia, é investigada pelo Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) por oferecer um tratamento contra a homossexualidade, ou “cura gay”. Nesta terça-feira (10), o estabelecimento informou em nota que parou de oferecer as sessões. 

As informações foram reportadas no Metrópoles.

O serviço custava R$29.990 e se encontra interrompido “por tempo indeterminado”, disse a Hipnoticus em nota.

O dono da clínica, Gabriel Henrique de Azevedo Veloso, tem suas credenciais como psicólogo questionadas pelo Conselho de Auto Regulamentação da Terapia Holística (CRT).

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247