Depois de almoçar na embaixada, Bolsonaro cumprimenta Trump por independência dos EUA e o chama de “grande estadista”

Em mais um gesto de comemoração do 4 de Julho, Jair Bolsonaro vai às redes sociais para chamar de “amigo” o presidente dos Estados Unidos e de “belíssimo e corajoso” seu discurso em decorrência da data, envergonhando o Brasil em sua submissão completa

Trump trata Brasil como cobaia e estimula Bolsonaro a prosseguir com discurso da cloroquina
Trump trata Brasil como cobaia e estimula Bolsonaro a prosseguir com discurso da cloroquina (Foto: REUTERS/Carlos Barria)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Horas depois de almoçar na embaixada dos Estados Unidos para celebrar a independência do país, neste sábado, 4 de julho, Jair Bolsonaro não se contentou em envergonhar o Brasil em sua completa submissão e foi às redes sociais rasgar elogios a Donald Trump e mais uma vez mencionar a data.

Bolsonaro parabenizou Trump pelo que chamou de “belíssimo e corajoso discurso” feito nesta sexta-feira 3. “Palavras de um grande estadista”, postou, chamando Trump de "amigo". “Que o legado e os valores dos fundadores dessa grande nação permaneçam sólidos e jamais sejam apagados por radicais”, escreveu ainda.

Nesta sexta, Trump criticou os protestos contra o racismo e a violência policial nos EUA, dizendo que eles são uma campanha da esquerda para "apagar nossa história" e ainda para “difamar nossos heróis e suprimir nossos valores e doutrinar nossos filhos”.

Confira as duas postagens no Twitter:

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247