MPF questiona uso de Força Nacional contra MST no sul da Bahia

Procuradoria ainda quer saber por que União determinou uso da Força sem pedido do governo estadual em área com conflitos

Força Nacional em assentamento do MST
Força Nacional em assentamento do MST (Foto: MST)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Fórum - O Ministério Público Federal (MPF) pediu aos ministérios da Agricultura e da Justiça que justifiquem por que o uso da Força Nacional de Segurança foi pedido e autorizado em assentamentos no extremo Sul da Bahia.

A solicitação foi feita nesta terça-feira (8). No ofício, o procurador federal  Carlos Alberto Vilhena fixa o prazo de cinco dias para que as respostas sejam enviadas.

Na semana passada, o Ministério da Justiça autorizou a ação de cerca de cem agentes da Força Nacional de Segurança em assentamentos rurais nas cidades de Prado e Mucuri, no sul da Bahia. O local está em conflito deflagrado desde a semana retrasada.

Leia a íntegra na Fórum.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247