Bolsonarista, deputado Mussi deu pelo menos três festas em meio à pandemia de Covid-19

Os vizinhos afirmam que já registraram quatro boletins de ocorrência contra o deputado Guilherme Mussi (PP-SP), mas o problema continua

Guilherme Mussi
Guilherme Mussi (Foto: Lucio Bernardo Jr. /Ag. Câmara | Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O deputado federal Guilherme Mussi (PP-SP) deu ao menos três festas em sua casa num bairro nobre de São Paulo durante a pandemia do novo coronavírus. Reportagem exibida no Fantástico, da TV Globo, mostrou neste domingo (5) registros feitos por uma vizinha, além de imagens de câmeras de segurança, mostrando a movimentação de convidados sem máscara, som alto e até contratação de buffet profissional para as reuniões.

O comportamento do parlamentar já havia sido noticiado em uma reportagem no Brasil 247 no final de junho, que revelou que o deputado chegou até a ser processado por vizinhos de sua residência anterior, onde dar festas e incomodar a vizinha já era um hábito. Em dezembro de 2018, Mussi foi condenado em um processo e a liminar determinou que ele parasse imediatamente de perturbar o sossego dos moradores próximos. Além disso, foi obrigado a pagar R$ 71 mil de multa condominial.

A reportagem do 247 conversou com advogados de vizinhos que entraram com Boletins de Ocorrência, que relataram que, quando a polícia é chamada, o som cessa, mas depois que os policiais vão embora, o som alto continua e vai até o amanhecer. Os vizinhos afirmam que já registraram quatro boletins de ocorrência contra o deputado, mas o problema continua. O 247 lembrou também que Mussi, aliado do bolsonarismo, já foi apontado como um dos parlamentares que mais faltam na Câmara.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email