Boff chora ao gravar depoimento emocionado para Lula

Se dirigindo a Lula e com lágrimas nos olhos, Boff disse, em frente à Polícia Federal, logo após ter sido negada sua visita ao lado do Prêmio Nobel da Paz Adolfo Pérez Esquivel: “Lula, eu estou aqui profundamente indignado, porque uma juíza com uma cabeça muito pequena não permitiu que um Prêmio Nobel da Paz, como o Adolfo Pérez Esquivel e eu, como teu amigo, pudéssemos entrar de forma humanitária, dar-te um abraço. Negaram a nossa humanidade e a tua”

boff
boff (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Da Revista Fórum - O teólogo e escritor Leonardo Boff gravou depoimento emocionado nesta quinta-feira (19), na porta da sede da Policia Federal de Curitiba, logo após ter sido negada a sua visita ao lado do Prêmio Nobel da Paz Adolfo Pérez Esquivel ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Se dirigindo a Lula e com lágrimas nos olhos, Boff disse: “Lula, eu estou aqui profundamente indignado, porque uma juíza com uma cabeça muito pequena não permitiu que um Prêmio Nobel da Paz, como o Adolfo Pérez Esquivel e eu, como teu amigo, pudéssemos entrar de forma humanitária, dar-te um abraço. Negaram a nossa humanidade e a tua”.

Boff disse ainda que estava indignado, mas ao mesmo tempo com esperança. “E a esperança é a última palavra e ela vai tirar você dessa exclusão e levar você para o meio do povo, que é o lugar que te pertence, fazendo uma política como um gesto amoroso para com os pobres, num cuidado com as coisas que são importantes para aqueles que têm fome, que têm sede. Os que, mais que tudo, precisam da dignidade que é desconhecida e aviltada. Um grande abraço a você e nós nos vamos ver na liberdade”, encerrou.

Inscreva-se na TV 247 e assista:

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247