Em conversa com procuradores, Dallagnol chama Lula de ‘Madre Teresa do Guarujá’

Procurador da Lava Jato debocha do ex-presidente Lula, durante mensagem publicada no dia 4 de fevereiro de 2016, em um dos grupos de mensagens com procuradores

(Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Nas mensagens de procuradores da Lava Jato, tornadas públicadas nesta segunda-feira (1°) pelo Supremo Tribunal Federal (STF) no âmbito da operação Spoofing, o procurador Deltan Dallagnol aparece chamando o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva de “Madre Teresa do Guarujá”.

No dia 4 de fevereiro de 2016, em um dos grupos de mensagens com procuradores, Dallagnol diz respeito ao tríplex atribuído pela Lava Jato à Lula, cuja denúncia foi apresentada sete meses após o diálogo. 

Em outro trecho das conversas divulgadas, Dallagnol deixa claro o conluio com o então juiz Sérgio Moro para condenar Lula, e voltar a debochar do ex-presidente, chamando-o de "nove". "O material que o Moro nos contou é ótimo. Se for verdade, é a pá de cal no 9 e o Márcio merece uma medalhta", diz Dallagnol.

Em outro documento, em que a defesa do ex-presidente Lula informa Lewandowski sobre o andamento das análises, é destacada uma conversa entre procuradores no dia em que Lula foi preso, em 7 de abril de 2018. Nela, a procuradora Lívia Tinoco, diretora cultural da Associação Nacional dos Procuradores, parafraseava o ex-presidente.

Pouco antes de se entregar para ser levado à sede da Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, Lula disse: "Fico imaginando o tesão da Veja colocando a capa comigo preso. Eu fico imaginando o tesão da Globo colocando a minha fotografia preso. Eles vão ter orgasmos múltiplos".

Inscreva-se na TV 247, seja membro, e compartilhe:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email