"O material que o Moro nos mandou é ótimo", diz Dallagnol em conversa, deixando claro o conluio contra Lula

Entre as 50 páginas de diálogos dos procuradores da Lava Jato com o ex-juiz Sérgio Moro, liberadas pelo STF, Deltan Dallagnol aparece comemorando o fato de ter sido orientado Moro na ação contra Lula. "Se for verdade, é a pá de cal no 9", disse ele

www.brasil247.com - Lula, Sergio Moro e Deltan Dallagnol
Lula, Sergio Moro e Deltan Dallagnol (Foto: Felipe L. Gonçalves/Brasil247 | ABr)


247 - O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), retirou nesta segunda-feira (2) o sigilo das conversas entre Deltan Dallagnol e demais procuradores da operação Lava Jato e o ex-juiz Sergio Moro. 

Ao todo, o material tem 50 páginas e parte dele é inédita. Os diálogos foram obtidos pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva depois que o próprio ministro Lewandowski decidiu que eles poderiam ter amplo acesso ao material apreendido na Operação Spoofing.

Em um dos diálogos, Deltan Dallagnol se refere ao ex-presidente Lula como "9" - numa alusão pejorativa ao fato de Lula ter perdido um dedo durante acidente de trabalho quando era sindicalista. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Dallagnol também deixa claro a comunicação ilegal com o ex-juiz Sérgio Moro na ação penal contra Lula. "O material que o Moro nos contou é ótimo. Se for verdade, é a pá de cal no 9 e o Márcio merece uma medalhta", diz Dallagnol.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 Leia:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Diálogo Moro Dallagnol

Leia os diálogos na íntegra:

Inscreva-se na TV 247, seja membro e assista ao nosso boletim sobre o assunto:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email