Eurasia: desmatamento pode prejudicar relação do Brasil com EUA se Biden for eleito

Fundador da consultoria Eurasia, Ian Bremmer avalia que, se eleito presidente dos EUA, Joe Biden "fará do meio ambiente um ponto maior de destaque da relação bilateral" com o governo Jair Bolsonaro. O democrata, avalia, "dificilmente verá com bons olhos a abordagem de Bolsonaro em relação ao meio ambiente e à floresta amazônica"

Divulgação
Divulgação (Foto: Joe Biden, Jair Bolsonaro, Amazônia e Ian Bremmer, CEO da Eurasia)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Fundador da consultoria Eurasia, Ian Bremmer afirmou que "no geral", uma vitória do candidato a presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, "é provavelmente mais negativa para a economia brasileira". A entrevista foi concedida à coluna Radar Econômico

"Bolsonaro e Trump desfrutam de um relacionamento pessoal caloroso que ajudou a impulsionar as negociações sobre um acordo de livre comércio entre os dois países, embora a conclusão de um acordo com sucesso sempre teve uma pequena chance de acontecer. Com a vitória de Biden, isso se torna um tiro ainda mais longo, especialmente porque Biden fará do meio ambiente um ponto maior de destaque da relação bilateral", disse. 

De acordo com Bremmer, o democrata "dificilmente verá com bons olhos a abordagem de Bolsonaro em relação ao meio ambiente e à floresta amazônica". "Fosse Trump o eleito, a indiferença com as mudanças climáticas continuaria. Mais do que a maioria dos outros países, o Brasil depende muito de quem os americanos elegem como seu próximo presidente", afirmou.

"A vitória Biden tornará as preocupações com as mudanças climáticas mais proeminentes, e isso não combina bem com um presidente brasileiro que rejeita tão abertamente as preocupações ambientais".

De acordo com dados de (como AP e Fox News), que contabilizam o estado do Arizona com uma vitória democrata, Joe Biden tem 264 votos no Colégio Eleitoral e Trump 214. Para ser eleito, um candidato precisa de ao menos 270 votos. Para outros veículos, como CNN e New York Times, o Arizona ainda está sendo considerado indefinido.

De acordo com dados de (como AP e Fox News), que contabilizam o estado do Arizona com uma vitória democrata, Joe Biden tem 264 votos no Colégio Eleitoral e Trump 214. Para ser eleito, um candidato precisa de ao menos 270 votos. Para outros veículos, como CNN e New York Times, o Arizona ainda está sendo considerado indefinido.

Em declarações anteriores, Biden afirmou que o governo Bolsonaro sofrerá consequências se mantiver a política ambiental atual, com recordes de desmatamento. 

No Brasil, aliados do governo temem que uma provável derrota de Trump tenha implicações negativas para Jair Bolsonaro, que já demonstrou em diversas ocasiões o seu alinhamento automático com o presidente americano. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247