Lula: "vender a Eletrobrás é se desfazer do patrimônio público para enriquecer ainda mais os ricos"

"O resultado será desemprego, mais redução de salário e mais trabalhadores fazendo bico", afirmou o ex-presidente, que é "totalmente contra" a venda da estatal

www.brasil247.com - Lula e Eletrobras
Lula e Eletrobras (Foto: Ricardo Stuckert | REUTERS/Pilar Olivares)


247 - O ex-presidente Lula (PT), em entrevista nesta terça-feira (22) à Rádio Passos FM, de Minas Gerais, novamente se disse "totalmente contra" a venda da Eletrobrás.

>>> Dilma: "venda da Eletrobrás é assalto ao povo"

Ele ressaltou que a empresa, além de garantir empregos e o fornecimento de energia elétrica para a população brasileira, garante que a conta de luz não aumente de maneira desordenada. "Não há nenhuma necessidade de vender um patrimônio que foi construído pelo povo brasileiro e com dinheiro do povo brasileiro, e uma empresa que pode ser a reguladora do sistema elétrico do país, não permitir o abuso dos aumentos da energia que estamos vivendo hoje no Brasil. Por isso sou contra a privatização da Eletrobrás".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

>>> Lula se posiciona contra venda da Eletrobrás e pede que empresários sérios não embarquem no esquema

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

"Os empresários que tiverem juízo, é importante contar até 10 antes de fazer a locura de comprar a Eletrobrás a preço de banana. O aconteceu no TCU foi um abuso, liberar a venda da Petrobrás. O governo não sabe administrar, só sabe destruir e vender. É importante que os trabalhadores do setor se manifestem, façam protestos, mandem carta aos deputados, porque deveria passar pelo menos por um referendo ou uma discussão dentro do Congresso, coisa que o governo não quer fazer. A gente ainda tem tempo de fazer pressão", completou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O petista destacou que a venda da estatal implicará em mais desemprego. "Vender a Eletrobrás a preço de banana, como eles querem vender, é se desfazer do patrimônio público para enriquecer ainda mais os mais ricos. O resultado disso será o desemprego, mais redução de salários, mais trabalho intermitente e mais trabalhadores fazendo bico, porque não vão ter emprego seguro como têm em uma empresa como a Eletrobrás. Por isso sou totalmente contra".

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email