Mainardi diz que Prevent Senior pode ter tentado ocultar causa da morte de seu pai

Segundo o jornalista Diogo Mainardi, em coluna no site “O Antagonista”, a operadora de saúde Prevent Senior tentou ocultar a morte de seu pai, Enio Mainardi, vítima fatal da Covid-19

www.brasil247.com -
(Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - Segundo o jornalista Diogo Mainardi, em coluna no site “O Antagonista” publicada na sexta-feira, 24, a operadora de saúde Prevent Senior tentou ocultar a causa da morte de seu pai, Enio Mainardi, vítima fatal da Covid-19. Enio morreu aos 85 anos em agosto do ano passado.

Diogo escreveu que ‘hesitou um bocado antes de escrever esta coluna”, mas decidiu fazê-lo “depois que a CPI da Covid acusou a Prevent Senior de ter fraudado os atestados de óbito de Anthony Wong e Regina Hang”. 

“Assim como meu pai, eles morreram de Covid. Assim como meu pai, eles estavam internados no hospital Sancta Maggiore. Assim como meu pai, houve a tentativa de ocultar a causa de suas mortes?”, escreveu.

PUBLICIDADE

“Meu pai era cliente da Prevent Senior. Ele morreu de Covid em agosto do ano passado, no hospital Sancta Maggiore. Quando anunciei sua morte, os bolsonaristas abarrotaram as redes sociais com mentiras, negando que ele houvesse morrido de Covid”, diz.

"O motivo pelo qual hesitei em escrever sobre a Prevent Senior foi esse meu envolvimento pessoal e direto. Falei diversas vezes sobre a morte de meu pai, sem o menor constrangimento, mas não citei o plano de saúde porque meu juízo estava envenenado pela dor. Além disso, eu queria evitar que seu nome fosse novamente conspurcado pelos bolsonaristas, que o usaram para acobertar seus crimes", prossegue.

PUBLICIDADE

Prevent Senior

A Prevent Senior é alvo de investigações no Ministério Público, na Polícia Civil e na CPI da Covid. A operadora de saúde é acusada de pressionar seus médicos a tratar pacientes com substâncias do "kit covid", como hidroxicloroquina, conduzindo um estudo sobre a eficácia do remédio sem avisar pacientes nem seus parentes e omitindo mortes de pacientes, influenciando o resultado para dar a impressão de que a substância seria eficaz.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email