Após agressão da PM em Parelheiros, internautas lembram casos George Floyd e Alphaville

Na favela da zona sul de São Paulo, uma mulher negra foi brutalmente agredida por um policial, enquanto em Alphaville volta a circular vídeo em que o PM foi agredido verbalmente por um morador (vídeo)

(Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Internautas manifestaram repúdio às agressões sofridas por uma mulher de 51 anos em Parelheiros, na zona sul de São Paulo, onde ela disse ter levado socos e uma rasteira de um policial militar. Usuários da internet lembraram os casos de George Floyd e Alphaville, para criticar a diferença de tratamento do poder público com a polícia, e com negros e pobres.

Floyd, que era negro, morreu após ser imobilizado e asfixiado por um policial branco em Mineápolis, no estado de Minnesota, no mês de maio. 

No outro caso lembrado por internautas, o Ministério Público de São Paulo denunciou o empresário Ivan Storel por ter agredido verbalmente um policial militar em Santana do Parnaíba, na região metropolitana de São Paulo. Agentes foram atender a uma ocorrência a pedido da mulher do empresário, que temia ser agredida. Ele mora em Alphaville, condomínio de alto padrão na Grande SP. 

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247